quinta-feira, 2 de julho de 2009

Impotência...

Segundo o Dicionário Michaelis, impotência é: "1 Qualidade de impotente. 2 Falta de força. 3 Falta de poder.[...]"

Falta de força para mudar, falta de poder para controlar uma situação. É, acho que sou impotente.

Não tenho forças para mudar o mundo, apesar de sempre dizerem que o primeiro passo é mudarmos a nós mesmos, mas eu me gosto assim... Não sou capaz de controlar meus sentimentos, geralmente, eles são mais fortes que eu... Eu confesso, sou movida a sentimentos, amores e dores.

Impotência é ter um amor maior do que a capacidade de ajudar, de transformar... É amar além da medida e ver o outro se destruir sem poder falar: "Hey, psiu! Você ai! Eu te amo e me importo com você"

É saber que gritar não vai mudar o mundo, que chorar não vai apagar os erros, mesmo sendo a única coisa que podemos fazer naquele exato momento.

É perceber que por mais que tenhamos boa vontade, não depende só de nós...

Quantas vezes nos pegamos vendo, analisando, estudando uma situação e pensando: "Por que?" ou "Eu faria diferente", quem sabe até "Se eu pudesse ajudar...".

Sim, se eu pudesse ajudar... ah!

Se eu pudesse ajudar, se eu pudesse fazer, se eu pudesse... O "se" é a palavra mais imponte que eu conheço, porque expressa apenas aquilo que poderia ter sido feito, e não foi.

Sim, a vida poderia ser mais simples... se não fossemos impotentes...

Você... Não sinta como se a culpa fosse sua, não se penitencie por uma coisa que você não pode controlar... o amor e a sensação de fraquesa andam juntos... É por amar demais, é por querer demais que nos tornamos impotentes... É por querer segurar a mão e mostrar o caminho, que nos perdemos do nosso...

4 comentários:

Rê disse...

Amiga foi lindo essas palavras e realmente as vezes nos sentimos tão impotente principalmente quando vemos uma injustiça e não conseguimos fazer nada....O pior é quando amamos incondicionalmente e queremos ter essa pessoa do nosso lado e não á temos...Voce descreveu perfeitamente o significado dessa palavra e como já disse anteriormente vc escreve muito bem.......Bjos

GléFerreira disse...

Nossa Danny... não sei o que te levou a escrever esse texto,mas eu quase chorei...muito lindo!
Beijo grande

Cih disse...

Que lindoo Danny! Eu ando tão orgulhosa das minhas amigas escrevendo coisas tão lindas e eu besteiras e mais besteiras =P
Tamem me sinto impotente mas diante das própria mudanças que deveriam
acontecer na minha vida,que eu deveria reagir e dar um baile em todas as forças negativas que ás vezes sinto ...
beeijos

Priscilinha disse...

Oi amore....é..Que sentimento ruim esse!..Pq se sentir assim, pq ter esse aperto no peito por amar e apenas admirar, se é que isso ta sendo possivel!...Pq chorar e nem esperniar nao tem sentido, pq isso nao adianta em nada, a nao ser a magoar o proprio coraçao! Pq nao se pode viver sem ter essa angustia, essa coisa de: Ei, to aqui!!..será q vc pode me ver? Acho q nao..nesse caso nao...preço mto caro pra isso, ai vem o sentimento de q nao vale a pena, vc só é mais um na multidao! O melhor cego é akele q nao ker ver...ultimamente, ser cega ta sendo mto melhor! Como tive uma quarta-feira maravilhosa, e um banho de agua fria na quinta! Ê vida! Mil bjos amore te amoooo amiga